Pesquisar este blog

domingo, 29 de julho de 2012

Como usar o Priceline

Resolvi fazer esse post pra ajudar quem está tentado a usar o Priceline mas acaba ficando com receio.
Eu descobri o site em 2007 planejando uma viagem para New York. Desde então, todas as vezes que viajo para os Estados Unidos faço minhas reservas de hotéis nesse site e tenho ficado muito feliz com a economia.

O Priceline é um site de reserva de hotéis como inúmeros outros que existem na Internet. A diferença é que além disso é também um site de leilão de quartos de hotel, passagens aéreas e aluguel de carros. Como eu só uso para reservar hotéis, vou me abster de comentar sobre os outros serviços.

O preço pode chegar a até 50% do valor que se pagaria normalmente pela diária. Pra gente a vantagem é clara. Você pode estar se perguntando. Então qual é a vantagem para o hotel em aceitar valores tão baixos? Na realidade a lógica é que o hotel prefere ter uma ocupação completa do que ficar com quartos ociosos. Obviamente que um hotel que cobra em seu site uma diária de $ 300 dólares não pode "aparecer" vendendo quartos por $ 150. Quem comprou pelo valor superior ficaria extremamente chateado. O Priceline confere o anonimato que os hotéis precisam para garantir sua ocupação oferecendo preços extremamente baixos. É por isso que o nome do estabelecimento não aparece antes. Só aparece pra quem deu o lance ao final do processo.

Funciona da seguinte forma: Você entra numa área reservada do site, escolhe a data de estadia, a cidade de destino, o número de estrelas do hotel e dá o seu lance. Se for aceito seu cartão será debitado integralmente antes que você saiba o nome do estabelecimento em que vai ficar. Após alguns minutos aparece em sua tela o nome do hotel e a confirmação da reserva. Nesse ponto não se pode voltar atrás e desistir. Essa é a contrapartida. Não há cancelamento em nenhuma hipótese.
Não é perigoso?
Dá uma certa emoção enquanto você espera aparecer o nome do hotel, mas perigo mesmo não tem nenhum. Veja bem: você escolheu a área da cidade em que quer ficar e a quantidade de estrelas do hotel. Não tem perigo de cair num muquifo concorda?
Eu, por exemplo, só escolho da categoria de 3 estrelas pra cima. É o que vale a pena. Acho que escolher duas estrelas já fica mais arriscado de relamente cair em algo ruim. Pra ficar num duas estrelas eu vou direto no site dos hotéis. O legal é você ficar num mega hotel, que não pagaria normalmente, por um preço possível.

Acho que quando a gente opta por usar o Priceline a "regra maior" é concordar com os termos do site que são muito claros. Não dá pra ficar exigindo muita coisa. Tem que fazer com esse espírito. A prioridade é a economia.

Em síntese as regras básicas são:
- Aceito o lance não há cancelamento em nenhuma hipótese
- O site garante a hospedagem de duas pessoas por quarto, em cama King. Todos os pedidos especiais, inclusive quarto não-fumante, duas camas queen, etc serão pactuados diretamente com o hotel se houver disponibilidade.

Aí entra a parte boa. Geralmente os hotéis são bem flexíveis com essa questão de dispor apenas uma cama King para duas pessoas. Nessa minha última viagem agora em julho reservei quase todos os hotéis pelo Priceline e estava com toda a minha família (casal e dois filhos). Não tive qualquer problema para conseguir duas camas queen. Em cidades como New York e Los Angeles, que a gente sabe que os quartos são pequenos e geralmente só têm uma cama, eu nunca arrisco o Priceline para 4, mas em Orlando, por exemplo, é mamão com açucar...
Como dar o lance?

Entre no site http://www.priceline.com/
Verifique que na parte de cima da página tem um campo onde está escrito “Name your own price”. Clique em start here. Nem precisa preencher os campos ao lado.


Então preencha os campos com o nome da cidade, data de check-in e check-out e número de quartos. Caso você queira dar lances para mais de um quarto esse é o momento. Clique em bid now (dê o lance agora) e prossiga.

Na próxima tela aparecem três passos a serem cumpridos: Step 1 é a escolha da área da cidade que você deseja se hospedar. Aqui se você tiver preferência por apenas uma área tem que ser bem criterioso no lance. Cada vez que dá um lance (depois de preencher os três passos) não aceito, só pode dar novo lance se aumentar o critério de locais.

Ainda no Step 1 observe que há um mapa à direita com os números de cada área. Clique no número para ver extamente a localização na cidade


No Step 2 você fará a escolha da categoria do hotel. Quando tem um sinal verde com o cifrão ao lado quer dizer que aquela categoria é a que tem melhores ofertas. Eu, particularmente, só dou lances de 3 estrelas para cima, pois tenho receio nas categorias inferiores. O que se paga num 3 estrelas pelo Priceline é o que pagaríamos por um 2 estrelas normalmente.

Mais abaixo no Step 3 será dado o lance. Aqui acho necessário se fazer uma pesquisa prévia pra saber qual o valor realmente vantajoso. Além da gente já ter uma idéia dos preços normais das diárias nos outros sites também aconselho dar uma olhadinha no fórum do site www.betterbidding.com que ensina usar o Priceline. Lá se pode ver as ofertas que estão sendo aceitas e os seus valores. Isso serve de base.
Ex: Em Orlando a gente sabe que consegue média de $65,00 para hotéis 2 estrelas na International. Esse é o preço obtido em sites normais. Eu consegui $68 no Priceline, para um Hyatt (que é 3 estrelas), em frente a Universal.

Quando você coloca o seu valor no campo laranja (Name your own price) o site pode informar que o valor está muito baixo e que a média da região. Não se importe com isso e continue. Claro que você também não pode dar lances totalmente impossíveis. Lembre-se que depois de algumas tentativas não aceitas você ficar impossibilitado de dar lances por 3 dias.

Depois tem o campo Reservation Name que você preenche com seu nome e clica em Preview Offer no final da página.




Na próxima página aparecerá o resumo do seu lance para conferência de data da estadia, local escolhido, número de estrelas do hotel, número de quartos. Aqui é muito importante que você confira tudo, pois não há hipótese de cancelamento posterior.

Ainda nessa página observe que há um campo Purchase Trip Cancellation/Interruption Insurance (Seguro de Cancelamento ou Interrupção da Viagem). Como eu nunca cliquei nessa opção não sei dizer em quanto onera o lance, mas é um seguro para o caso de ter que cancelar a viagem.

Mais abaixo você coloca sua inicial num pequeno quadradinho aceitando as condições do site e clica em continue na caixa verde.


Em seguida será preeenchida uma tela com os seus dados. Apesar de não ser dito em nenhum lugar que estrangeiros não podem usar o site, o formato do endereço é somente para endereços americanos. Tem gente que coloca o endereço de casa mesmo e deixa EUA como país e diz que dá certo. Eu sempre coloco um endereço aleatório nos EUA que pego na Internet, com Cep e tudo mais. As vezes uso o de um primo meu que mora lá. Eles não conferem nada disso e qualquer contato é feito mesmo por e-mail.

Nesse campo você vai colocar também os dados do seu cartão de crédito.
Eu desabilito o campo (que já está marcado) dizendo que quero receber promoções especiais.
Mais abaixo tem outro campo Register now for Priceline Rewards - I't Free. Eu nunca fiz esse registro. Fica a critério de cada um, mas como uso endereço fake...sei lá vai que eles resolvem mandar uma correspondência pra lá. Além do mais o registro não é necessário para completar o processo.


Continuando nessa mesma tela (só ampliei a imagem para ficar mais nítido) vem o What happens next. Aqui se chega no ponto crucial. Quando você clica em Buy me a Hotel Room não tem mais volta. Seu lance foi dado e se for aceito o cartão é imediatamente debitado no valor integral. Se o lance não for aceito inicia-se todo o processo novamente, e como já dito sempre aumentando os critérios.

É isso. Boa sorte a quem tentar. Eu garanto que o Priceline é sério, funciona e é tudo de bom pro nosso bolso!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário